comentários  

11 de junho de 2014, 10:19

A cidade já toma café, almoça, janta e respira São João


Lá vou eu dar palpite sobre o que eu  conheço pouco, ou pelo menos, tenho pouca experiência: O São João da capital do sertão, Patos.

Para não dizer que não conheço a festa, ano passado, exatamente no último dia, saímos de Natal (RN) às cinco da tarde e dez da noite estávamos no Terreiro do Forró para prestigiar Garota Safada e Wesley Safadão. Essa foi a última atração da festa que ano passado teve somente cinco dias por conta da falta de agua, se não estou enganado. Esse ano teremos seis dias de muita alegria.

Muitas coisas me impressionaram durante a festa: primeiro, claro, a quantidade de gente e gente bonita com força. Depois, das dez da noite às cinco da manhã, apesar de termos aproximadamente cem mil pessoas na festa, não vi uma briga, não vi uma confusão.

Pastéis, espetinhos, algodão doce, comidas típicas, milho assado, cachorro quente, pipoca e cerveja gelada tinha para todo os lados. Apesar de todo esse clima de euforia, é bom manter algum controle sobre a situação, principalmente com relação ao consumo de bebidas, com mais atenção as em latas. Normalmente as latinhas não são higienizadas como deveriam, ou seja, uma a uma. Não tem nada pior que você viajar para uma festa e depois cair de cama, baixar hospital ou simplesmente ''passar mal''.

Uma boa maneira de evitar a contaminação no consumo de refrigerantes e cervejas em lata é usar o canudinho. Coloque dois logo para absorver melhor, como se fosse um gole.

Nas barracas de espetinhos, observe se os espetinhos estão com aquela cor vermelho saudável, tão natural em carnes. Escureceu, ficou esverdeada a carne mude de barraca imediatamente. Observe também se os espetinhos têm muitos pedaços de gorduras, normalmente não são nem gorduras, às vezes é sebo, graxa, que quando esfria '''éca'', fica horrível, seboso, ruim de achar bom, para não dizer mais nada.

Outra medida de segurança que parece desnecessária, mas não é: Evite ficar perto do fogo, seja ele da churrasqueira e principalmente dos tachos para fritura de batatinha. Normalmente eles ficam em cima de um botijão de gás. Recentemente numa feira livre em Natal, num domingo pela manhã, não se sabe por que. Eu pelo menos não fiquei sabendo o resultado da pericia, o botijão explodiu no horário de pico da feira livre. O tacho cheinho de óleo quente e feriu muita gente.

Experimentou alguma iguaria da festa, achou que não tá legal, sentiu algo estranho pare imediatamente. É melhor fazer isso que no mínimo ser internado para tomar soro. Eu mesmo uma vez me empolguei numa barraquinha, isso há uma 20 anos atrás, e comi uns quatro milhos assados na brasa com pelo menos, imagina aí, umas cinco cervejas bem geladas. Antes das cinco da manhã, depois de ter passado a noite vomitando e sentado no “trono” como um rei a noite inteira. Lá estava eu belo e impávido colosso, no hospital e tomando soro. Ôh Negócio sem futuro.

Bom Mesmo nesse período em que se exagera tanto na comida quanto na bebida, pois a galera costuma “pegar o sol com a mão” é no período do dia beber muita água, comer bastante comida leve, mas saudável, abusar dos sucos e frutas e dormir, ou pelo menos descansar bem no tempo que der. Até porque ninguém é de ferro e a noite com certeza você vai precisar de muita energia se não quiser fazer feio.

Uma coisa bacana é que todos nós envolvidos nessa que é uma das nossas maiores, se não a maior festa, entendamos que devemos sim explorar o turismo e não o turista. Um turista que gostou da festa, do nosso povo, da nossa comida, da nossa acolhida e de preços honestos praticados durante a festa, pode ter certeza, vai sair contando para todo mundo como foi bom ter vindo passar o São João na capital do sertão, como foi bom ter feito novos amigos.

O turista que se sente acolhido e respeitado já vai embora pensando na volta no ano que vem, e é isso que todos nós devemos querer. Nosso restaurante COSTELA NO BAFO permanece com o mesmo cardápio, preços, as mesmas promoções do dia a dia e ainda por cima para atendendo todo mundo com respeito como dever ser sempre. Para esse São João vamos lançar a QUENTINHA AMIGA por apenas R$ 10,00. DISQUE COSTELA - PARA VIAGEM (83) 9627.4215.

A QUENTINHA AMIGA vai com arroz, feijão, farofa, macaxeira, salada e um bife que o turista pode escolher entre carne, frango ou de porco. Tudo com o nosso padrão de qualidade já conhecido do mercado consumidor natalense e patoense. Uma coisa eu sei, meus amigos todos, do Brasil inteiro, e principalmente do Nordeste que estão prestes a vir para nossa festa serão extremamente bem recebidos não só por nossa família, mas por todos os amigos que aqui moram, trabalham e sonham com dias melhores para todos nós.

Bem vindos a PATOS PB, a capital do Sertão, a cidade que eu escolhi para morar e aqui sou feliz!

A BOA DE SEMPRE:


Gentileza gera Gentileza.
Seja você aquela pessoa que você gostaria de conhecer.

Saúde e Paz.

 

 



Publicidade
Publicidade

Comentários

O utilizador reconhece e aceita que o PATOSONLINE.COM, apesar de atento ao conteúdo editorial deste espaço, não exerce nem pode exercer controle sobre todas as mensagens. O PATOSONLINE não se responsabiliza pelo conteúdo de mensagens publicadas no mural ou comentários de postagens.