comentários  

31 de outubro de 2014, 14:33

ZINCO O ''ARTISTA'' DA VEZ


Segundo um levantamento intitulado Brazos , da Universidade de São Paulo e da Universidade Federal de São Paulo, 67,4 % dos homens e 45,6 % das mulheres não consomem a quantidade adequada  do mineral zinco. Nos homens o recomendado seria 11 miligramas e nas mulheres 8 miligramas. ''E isso não é difícil. Basta ter uma alimentação equilibrada''. É o que garante Silvia Cozzolino, nutricionista e presidente do Conselho Regional de Nutricionistas da Terceira Região (CRN-3) de São Paulo e Mato Grosso do Sul.

Quase todo mundo sabe que a falta de ferro facilita o caminho para a anemia, a de cálcio abala os ossos, e a carência de potássio termina em dolorosas câimbras. Mas... e o zinco? Devido a sua importância, o zinco, é reverenciado cada dia mais por uma corrente de cientistas cada vez maior. Depois de vários estudos, pesquisadores indianos revelaram a importância do zinco, especialmente em oito situações. 1 - Alzheimer. Para a nutricionista Nadir do Nascimento Nogueira, professora da UFPI Universidade Federal do Piauí, uma boa parcela dos pacientes com essa doença tem baixos índices de zinco circulando pelo organismo. ''Esse mineral integra uma enzima chamada  superóxido dismutase, que nos protege do estresse oxidativo''. Sem a presença dele o cérebro fica mais vulnerável a ação dos perigosos radicais livres, aumentando assim as chances do Alzheimer .

2 -Depressão. ''Ao que parece ele facilita certas sinapses, que são os sinais trocados entre os neurônios'', afirma Nadir Nogueira, afastando os sintomas da melancolia intensa.

3 - Sistema Cardiovascular. A presença do zinco está ligada a um menor aperto nos vasos ''Ele ajuda a regular substâncias envolvidas no controle da pressão'', é o que diz a nutricionista Cristiane Cominetti, professora da UFG, Universidade Federal de Goiás. “Outra explicação plausível é que a falta do mineral pode alterar o paladar, o que levaria a um uso mais intenso do sal”, completa a nutricionista, acrescentando: ''O zinco também é essencial para a reparação de danos nos vasos  causados pela oxidação do colesterol LDL''. Com isso o risco de aterosclerose cai.

4 - Diabetes. “A carência de zinco acelera o processo de resistência a esse hormônio, -a insulina-, deixando-nos mais propensos ao diabetes'', é o que diz a nutricionista Carla Cristina de morais da UFG. Sem falar que o aumento do consumo de zinco já provou exercer impacto positivo no controle da retinopatia diabética, quando o diabético tem sua visão ameaçada. Melhor então que suplementos, cujo uso é muito controverso, é caprichar na alimentação.

5 - Cicatrização. ''A deficiência dele prejudica a reparação do tecido cortado'', avisa André Matos, cirurgião plástico do Rio de Janeiro. O zinco participa ativamente da fabricação de colagenase, enzima responsável por produzir o colágeno. Uma espécie de cimento da pele. Quem tem cirurgia marcada deve aumentar o consumo de alimentos que contenham zinco.

6 - Imunidade. ''O zinco é o micronutriente com maior efeito sobre o sistema imunológico", afirma a nutricionista Lúcia Dantas Leite, professora da Universidade Federal do Rio Grande do Norte UFRN. ''E eles são importantes células de defesa”, traduz Lúcia. Logo, garantir as cotas diárias de consumo de zinco levanta a barreira contra uma infinidade de encrencas.

7 - Pneumonia. Por dar força ao sistema imune está ai uma das doenças que o zinco combate. Pesquisas indicam o elo entre o nutriente  e a menor duração de uma pneumonia severa. Em crianças com pneumonia, cientistas perceberam que 20 miligramas diárias do mineral não só aceleravam a recuperação como barravam uma possível  resistência a antibióticos, já que diminuíam a exposição a esses medicamentos.

8 - Gravidez .  Na gravidez a ingestão diária de 8 miligramas deve subir para 11 miligramas. ''O déficit materno da substância pode causar infecções intrauterinas, atrapalhar o desenvolvimento fetal e contribuir para o baixo peso do bebê ao nascer'', justifica Lúcia. A nutricionista Nadir, da UFPI, observou que o zinco auxiliaria  a segurar a criança dentro da barriga até a quadragésima semana da gestação, quando o corpo do bebê já esta prontinho para vir ao mundo. Quem deseja aumentar o consumo do zinco deve incluir urgentemente no cardápio diário itens como carne bovina, leguminosas, peixes e frutos do mar. O corpo inteiro sairá lucrando.

Oito alimentos que são verdadeiras fontes de zinco: Contrafilé grelhado - um bife de 100 g = 4,8 mg. Ostra in natura - 3 ostras , 100 g = 4,38 mg. Sardinha assada ,3 a 4 unidades = 1,8 mg. Leite integral - 200 ml -1 copo = 0,8 mg Camarão cozido -100 g,10 unidades = 1,2 mg . Lentilha cozida -100 g,4 colheres de sopa - 1,1 mg .Aveia em flocos- 40 g, duas e meia colheres de sopa= 1,04 mg. Castanha-de-caju.20 g, 8 unidades,0,94 mg. Como você pode ver a dieta além de ser simples, fácil de encontrar no mercado é antes de tudo é saborosa.

E já que a recomendação diária de zinco é pequena, uma simples dieta balanceada costuma resolver o problema. O uso de suplementos somente é recomendado para o grupo de idosos, mesmo assim sob prescrição médica. Até porque abusar da ingestão do zinco diminui a absorção do cobre, e isso interfere no metabolismo de ferro, e nesse caso a possibilidade de anemia volta a aparecer.

Por todos esses motivos, os benefícios do zinco, cada vez mais despertam o interesse da comunidade científica. Saúde é o que interessa, sem ela não  há  vida produtiva, tranquila e equilibrada.

Bom apetite a todos. Saúde e paz. Até o nosso próximo encontro.

Fonte da matéria, revista SAÚDE.

A BOA DOS PRÓXIMOS 4 ANOS: Prestar muito atenção nos novos governantes! Se possível fazer uma listinha das promessas feitas em campanha e antes de mais nada cobrar que seja realizadas, afinal, todos nós somos o ''patrão'' de todos eles.

         

Lourimar Neto é proprietário do restaurante COSTELA NO BAFO.

PROMOÇÃO: COSTELA BOVINA COMPLETA R$ 40,00
Acompanha: arroz, feijão, couve mineira, farofa com Banana, farofa com Bacon, macaxeira cozida, vinagre e salada. Reservas pelos telefones (83) 9644 9290 e 9627.4215 .

Entrega em toda Patos e região.

 

 

 


Publicidade
Publicidade

Comentários

O utilizador reconhece e aceita que o PATOSONLINE.COM, apesar de atento ao conteúdo editorial deste espaço, não exerce nem pode exercer controle sobre todas as mensagens. O PATOSONLINE não se responsabiliza pelo conteúdo de mensagens publicadas no mural ou comentários de postagens.