comentários  

17 de junho de 2016, 17:59

MICHEL TEMER OU MICHEL LULIA


 Nós, os brasileiros, ás vezes nos esquecemos de verificar com a devida atenção muitas coisas que ocorrem no nosso dia a dia e, por motivo desses esquecimentos, somos surpreendidos, de repente, por questionamentos simples que nos fazem e ficamos sem respostas razoáveis no momento.

                  Foi o que ocorreu comigo quando – já citei aqui – uma estudante me perguntou qual era o coletivo de rato. Não sei se é porque eu escrevo no Patosonline que sou questionado, quase diariamente, sobre a minha opinião a respeito de assuntos políticos, questões que envolvem a administração municipal, sobre assuntos veiculados na Imprensa, sobre o comportamento inaceitável de políticos e administradores do Município, do Estado e do País, afora outros assuntos que não vale a pena citá-los agora.

                  Ontem, mais uma vez, fui surpreendido quando me perguntaram se eu sabia o nome completo do nosso presidente interino – Michel Temer -  e eu desconhecia. Fiquei sem saber o que dizer e  recebi do meu interlocutor uma admoestação;

                  - Tenho lido  todas as publicações da sua coluna e achei que o Senhor soubesse me responder. O Senhor tem obrigação de ser bem informado. Disse-me ele.

                  - De fato. Desculpe-me, mas não sei. Respondi.

                  Ao chegar em casa fui ler tudo o que eu pudesse sobre a biografia de Michel Temer. Afinal, apesar de interino, ele é atualmente o Presidente da República queiram ou não queiram, achem ruim ou bom, seja ele golpista ou não, o fato é que ele é nosso Presidente até que se resolva a questão política do impeachment de Dilma no Senado Federal.

                Pois bem. Agora eu sei que Temer nasceu  em Tiete em 1940, que é advogado, político e escritor. Que é filho de imigrantes libaneses. Que seus pais chegaram aqui no Brasil em 1920. Que em 1995 foi líder do PMDB na Câmara dos Deputados com o apoio de Fernando Henrique Cardoso, que na disputa presidencial em 2010, embora não tivesse a simpatia dos petistas, foi indicado pelo PMDB para ser vice de Dilma, que conspirou com Eduardo Cunha e líderes do seu partido e do PSDB para derrubar a Titular do cargo e assumir a Presidência da República, que no dia 12 de maio de 2016 com ao afastamento de Dilma assumiu interinamente a presidência e que iniciou, de fato, o seu governo no dia 13-05-2016 – data muito ruim, segundo a numerologia, para se iniciar um projeto porque a soma dos algarismos desta data dá noves-fora-nada e é azarada.

                 Sabemos que o seu governo e a sua base de apoio estão contaminados pela presença de gente corrupta, ladra, desonesta, golpista, trapaceira e sem moral suficiente para assumir cargos públicos ou de confiança, a prova disto é que já caíram três dos seus ministros em um mês de atividade nos seus cargos, por envolvimento em sérias denuncias de corrupção e envolvimento ilícito em delitos infames citados na Operação Lava-jato, sabemos que os seus índices de popularidade estão baixíssimos, chagando a quase setenta por cento de rejeição e caindo cada vez mais em conseqüência das medidas antipopulares que tem tomado. Sabemos que – talvez por medo da reação popular - tem desmarcado viagens que faria para inaugurar obras ou supervisionar outras, além de suspender pronunciamentos oficiais que faria á Nação por causa dos panelaços ocorridos em outras oportunidades, sabemos que já suspendeu visitas ao Congresso para não enfrentar constrangimentos através de protestos feitos pela oposição e divulgados na mídia e etc.

                 Agora mesmo com as denuncias de Sergio Machado – delação premiada - a cúpula do seu partido, visto como golpista por alguns, imoral e corrupta por outros, está apavorada porque será certamente fulminada pela Lava-jato, desde que haja seriedade nas investigações e punição severa para os criminosos, muitos dos que estão apoiando o seu governo vão se dar mal assim como outros líderes de partidos que lhe apoiaram no golpe ou lhe prestaram solidariedade  quase todos corruptos e bandidos em iguais proporções.

                Aprendi muita coisa sobre Temer. Hoje posso falar sobre suas origens, sua formação, sua carreira política, seus anseio e seus temores. Aliás, muita coisa eu já conhecia do seu passado, mas desconhecia seu nome completo. Hoje eu sei. Para a grande maioria dos brasileiros que desconhece ainda, eis aí o nome completo do nosso presidente interino -  MICHEL  MIGUEL  ELIAS TEMER  LULIA.

              Isso mesmo. L U L I A. 

             Já pensaram?  Michel  Temer, se quisesse, poderia mudar seu nome político para MICHEL  LULIA. Ficaria engraçado e seria bem mais popular e simpático para o povo. Não acham?

             Daqui eu fico a me perguntar; Como será o governo de LULIA se Dilma for definitivamente afastada?

              Eu sendo ele, suprimiria esse ‘ I ‘ de interino e ai governar com a simpatia e apoio da grande maioria do povo que está doido para ter novamente LULA como seu presidente.

 

 

Souza Irmão -  17-06-2016

 

 

                  

 


Publicidade
Publicidade

Comentários

O utilizador reconhece e aceita que o PATOSONLINE.COM, apesar de atento ao conteúdo editorial deste espaço, não exerce nem pode exercer controle sobre todas as mensagens. O PATOSONLINE não se responsabiliza pelo conteúdo de mensagens publicadas no mural ou comentários de postagens.