comentários  

02 de setembro de 2016, 13:04

Nódulo de mama pode virar câncer?


           Esse é o grande medo das pacientes com nódulo na mama. A resposta é NÃO! O câncer de mama surge a partir da mutação genética de uma célula normal do tecido mamário, que se torna “imortal” e adquire a capacidade de multiplicação desordenada. Em média, são necessários 8 a 10 anos até que essa célula origine um tumor de 1 cm de diâmetro. 

O nódulo benigno tem crescimento limitado e não se transformará em um câncer porque a célula que o originou é diferente da célula precursora do câncer. Ele surge a partir de uma resposta exagerada do tecido mamário aos estímulos hormonais fisiológicos.

Dentre os nódulos ditos “sólidos”, o mais comum deles é o fibroadenoma, que aparece, normalmente, entre a segunda e terceira décadas de vida. Ele pode aumentar de tamanho na gestação e costuma involuir após a menopausa justamente pela parada desses estímulos hormonais. Já entre a quarta década e a menopausa, há aumento da incidência de cistos mamários, que tem conteúdo líquido, e assim como os nódulos sólidos não evoluem para câncer.

Contudo, a paciente com nódulo mamário precisa de acompanhamento clínico e radiológico com mamografia e/ou ultrassonografia. A depender das características desse nódulo, como o seu tamanho, por vezes, também é necessária a realização de uma biópsia.

Para maiores esclarecimentos, consulte seu Mastologista.

 

 

Autor(a): Maria Stefania Nóbrega Batista – Titular da Sociedade Brasileira de Mastologia


Publicidade
Publicidade

Comentários

O utilizador reconhece e aceita que o PATOSONLINE.COM, apesar de atento ao conteúdo editorial deste espaço, não exerce nem pode exercer controle sobre todas as mensagens. O PATOSONLINE não se responsabiliza pelo conteúdo de mensagens publicadas no mural ou comentários de postagens.