comentários  

14 de julho de 2017, 08:32

Polícia Militar e Civil prendem envolvidos no assalto ao vereador Diogo Medeiros


O Serviço de Inteligência do 3° BPM e a Polícia Civil prenderam na noite desta quinta-feira, 13, três homens que participaram do assalto ao vereador de Patos, Diogo Medeiros, e seu irmão, no Sítio Bom Jesus, no Distrito de Santa Gertrudes, em Patos.

Francisco Araújo de Morais, 28 anos, Luan Ferreira da Silva, 20 anos, e José Leonardo Alves de Morais, 31 anos, foram presos após as polícias conseguirem identificar o líder do grupo, Leonardo, conhecido Negão. Segundo a polícia, ele estava acima de qualquer suspeita, uma vez que era amigo das vítimas.

“Esse elemento fugia de qualquer suspeita porque ele era amigo, trabalhava na propriedade, era um elemento que todo mundo confiava e conhecia”, explicou a polícia.

Com o trio foram apreendidos dinheiro, joias, perfumes, notbook, revólver calibre 22, duas espingardas calibre 22, munição, rádio de comunicação utilizado pela polícia, binóculo, furadeiras, blusões de cor preta e camuflados, faca, celulares e carregadores.

O SI e a Polícia Civil acompanharam quando Negão saia da cidade de São José de Espinharas sentido Patos. Nesse momento foi feita uma abordagem e dada voz de prisão. Segundo os policiais envolvidos na operação, Negão assumiu autoria e materialidade do crime apontando mais dois integrantes, Chico e Luan. Um quarto envolvido no crime conseguiu fugir do cerco policial.

Os acusados foram levados para a Delegacia de Polícia Civil de Patos, onde forma autuados, serão ouvidos e posteriormente, conduzidos ao Presídio Romero Nóbrega.

 

Objetos

 

Fonte - Acilene Candeia /Patosverdade 


Publicidade
Publicidade

Comentários

O utilizador reconhece e aceita que o PATOSONLINE.COM, apesar de atento ao conteúdo editorial deste espaço, não exerce nem pode exercer controle sobre todas as mensagens. O PATOSONLINE não se responsabiliza pelo conteúdo de mensagens publicadas no mural ou comentários de postagens.