comentários  

12 de novembro de 2017, 14:32

Praticantes de escalada relatam potencial do esporte na região de Patos – Veja vídeos!


Os inselbergues ao redor do Município de Patos estão aos poucos sendo explorados para a prática dos que são apaixonados por entretenimento radical. A Morada do Sol tem uma das maiores concentrações de formações rochosas propícias para a prática da escalada, no entanto, passava quase que despercebida para o grande potencial turístico desse esporte que cresce em todo o mundo.

Bastou surgir a primeira geração de escaladores, que em pouco tempo o cenário poderoso dos paredões rochosos do sertão começou a mudar. Murilo Santos ajudou na empreitada e adaptou um espaço para colocar em prática a escalada. Assim, na Rua Benjamim Constante, Jardim Califórnia, próximo ao Terreiro do Forró, em Patos, existe local para que o desejo por aventuras comece.

Assim surgiu o Ateliê Boulder Clube, inclusive com esse mesmo nome no Facebook. No local, o artista-plástico-escalador montou uma estrutura para receber os amigos que também praticam o esporte e aqueles que estão curiosos. Nesta sexta-feira, dia 11, a reportagem do Patosonline.com fez uma visita agendada para conhecer um pouco mais sobre o que tem fascinado os que começam a prática da escalada, seja indoor ou nos inselbergues da região.

O veterano escalador Big Man, que reside em Natal (RN) e criou a página Escalada Nordeste, esteve na cidade de Patos para explorar o potencial da região e trocar experiência com os praticantes do esporte no município. Big Man estava com material de escalada e expôs para que se conheça um pouco dos equipamentos usados no dia a dia do esporte.

Com um número ainda pequeno diante de um esporte que tem milhares de praticantes por todo o mundo, a prática de escalar vem crescendo em Patos. Murilo Santos disse que os esportistas da cidade já começaram a colocar grampos nos inselbergues. Eles gastaram dinheiro do próprio bolso e esperam que o poder púbico comece a despertar para o potencial da região.

Falando sobre o que representa a região de Patos diante de outra pelo mundo, relatou Murilo: “...a gente vive num paraíso para escaladas. Em João Pessoa, por exemplo, e em outras cidades da Europa e Estados Unidos, para você escalar, você espera a semana inteira, chegar um final de semana que você tenha tempo para programar uma viajem e você viaja para um lugar que tenha rocha. Patos a gente escolhe a rocha e em quinze minutos a gente está em qualquer pico de escalada com mais de cento e vinte metros...”.

Espinho Branco, Picotes, Pedra da Pia, dentre outros inselbergues, já receberam a visita nos seus paredões rochosos de Murilo, Wagner (bombeiro militar), Andrey, Rômulo e demais praticantes da escalada.

Quem quiser conhecer mais sobre o esporte pode visitar o Atelier Boulder Clube e ouvir a entrevista com Murilo Santos.

 

 

Jozivan Antero – Patosonline.com

Fotos: Jozivan/ Vídeos Alex Costa

 

 

OUÇA entrevista:

 

 

 

 

Fotos e vídeos da postagem



Publicidade
Publicidade

Comentários

O utilizador reconhece e aceita que o PATOSONLINE.COM, apesar de atento ao conteúdo editorial deste espaço, não exerce nem pode exercer controle sobre todas as mensagens. O PATOSONLINE não se responsabiliza pelo conteúdo de mensagens publicadas no mural ou comentários de postagens.