comentários  

07 de agosto de 2018, 19:10

Sessão do Tribunal do Júri, julga e condena, acusado de Feminicídio em Patos. Relembre o caso


Foi julgado nesta terça-feira, 7 de agosto, Jean Carlos Fernandes do Nascimento, vulgo Nandin, acusado de praticar crime de Feminicídio contra sua ex-companheira, Ângela Michele Gomes, de apenas 22 (vinte e dois) anos de idade, fato ocorrido no dia 20 de julho de 2017, na Rua Carmelita de Lucena, próxima a Peixada, Bairro Mutirão, aqui em Patos.

O Tribunal do Júri reconheceu a autoria, materialidade e culpabilidade do réu e este recebeu 23 (vinte e três) anos de condenação, a ser cumprido, em regime fechado, no Presídio Romero Nóbrega em Patos.

O Júri desta terça (07), traz uma referência aos 12 (doze) anos da Lei Maria da Penha. Tendo a juíza presidente do Tribunal do Júri, Dra. Isabella Joseanne, afirmando: “Foi dada uma resposta à sociedade de que o crime de feminicídio, violência doméstica, em razão do gênero, não pode permanecer livre de impunidade”.

A Justiça colocou esse caso como símbolo da luta contra o feminicídio na nossa região.

 


Relembre o caso completo narrado pelo repórter Fábio Diniz:

 

Patosonline.com


Publicidade
Publicidade

Comentários

O utilizador reconhece e aceita que o PATOSONLINE.COM, apesar de atento ao conteúdo editorial deste espaço, não exerce nem pode exercer controle sobre todas as mensagens. O PATOSONLINE não se responsabiliza pelo conteúdo de mensagens publicadas no mural ou comentários de postagens.