comentários  

22 de setembro de 2018, 07:02

Jornalista Marcos Oliveira é atacado em programa de Rádio por ouvinte, e deixa a sua resposta. Veja


A relação entre Lobos e Ovelhas

Passarei a escrever em Primeira Pessoa, pois esse material será disponibilizado em minha coluna no Patosonline.com. Nesta sexta-feira, 21 de setembro de 2018, fui atacado verbalmente por um ouvinte, que se identificou como sendo “Roosevelt”, ou Uva, como é mais conhecido. Segundo informações, pertencente a ideologia de esquerda. As acusações foram feitas dentro do Jornal Espinharas Notícias, levado ao ar pelas Rádios Espinharas AM e FM, informativo esse que produzo, dirijo, e apresento com muita satisfação.

Segundo o ouvinte, a minha pessoa, na condição de jornalista, vive de atacar, o ex-presidente, Luiz Inácio Lula da Silva, inclusive de manhã, à tarde, e também à noite. Para o ouvinte, como profissional eu nunca divulguei notícia negativa contra o PSDB, por exemplo. Nem em nível, local, estadual ou federal.

Com calma, e honrando profundamente a opinião do amigo ouvinte, dei a minha explicação. A minha alma estava serena, pois nunca senti tanto prazer em afirmar que não pertencia a facção política nenhuma. Apesar de respeitar e honrar profundamente a opinião daqueles que decidem tal caminho. Se o ouvinte entendeu, não sei. Mas, no meu íntimo percebi o quanto é maravilhoso não tomar lado político, não viver para defender, esse, ou aquele lado. Atacar essa, ou aquela ideologia. Gente, somos iguais, somos irmãos! O que o Sistema quer, é jogar, uns contra os outros, e dessa forma continuar nos controlando, como sempre ocorreu.

Agradeço profundamente ao meu irmãozinho “Uva”, pelo ataque, pois através dele percebi um pouco da magia de não pertencer a nenhuma corrente política, e ao mesmo tempo, respeitar cada uma delas.

Sei que pela exposição desse caso, associado ao momento político que estamos passando, poderão acontecer ataques e críticas nos comentários abaixo. No entanto, respeitarei, e honrarei cada um deles. O que importa, é saber de que o meu coração está cheio.

Deixo vocês com um vídeo gravado no início do ano passado (2017), onde fala sobre os Lobos em pele de Cordeiros, e suas reais intenções. 


Marcos Oliveira – Jornalista.       


Publicidade
Publicidade