comentários  

03 de dezembro de 2018, 18:38

Ricardo anuncia a continuação do Gol de Placa, e programa vai pagar R$ 4,1 milhões a clubes em 2019


O governador da Paraíba, Ricardo Coutinho (PSB), assinou nesta segunda-feira um decreto que garante a continuidade e ampliação do investimento no programa Gol de Placa para os times que disputam a elite do Campeonato Paraibano. Em 2019, serão destinados R$ 4,1 milhões aos clubes, o maior valor da história do programa.

O Gol de Placa é a maior parte do orçamento da maioria dos clubes que disputam a primeira divisão do estadual. Segundo o governador, sem esse aporte financeiro o futebol profissional do estado estaria acabado.

- Sem o Gol de Placa acabaria o futebol profissional no Estado, porque não há como, neste momento de crise, achar que os clubes vão conseguir sobreviver de renda. O Gol de Placa cresceu muito ao longo dos anos. Pegamos o Gol de Placa, em 2010, com R$ 1,3 milhão, enquanto este ano destinamos R$ 3,9 milhões - avaliou o governador.

O programa consiste em o torcedor trocar notas fiscais da Paraíba no valor mínimo de R$ 50 por um ingresso para qualquer partida da competição. A cada nota trocada por um bilhete, o Estado paga R$ 20 para o clube mandante da partida.

Nesta segunda-feira, Ricardo Coutinho também revelou que fez um projeto que vai ser encaminhado para a Assembleia Legislativa da Paraíba que propõe uma desburocratização no repasse dos recursos financeiros aos clubes.

Valores para cada clube

Segundo Ricardo Coutinho, o montante para 2019 será de aproximadamente R$ 4,1. O valor exato, no entanto, só será sabido quando for divulgada Lei Orçamentária Anual (LOA) para o ano que vem.

Baseado no recurso pretendido pelo Governo do Estado, o GloboEsporte.com fez uma previsão de quanto cada clube deverá receber. Mais uma vez, o Botafogo-PB é o time que será contemplado com o maior montante.

Isso porque o clube de João Pessoa foi campeão paraibano no ano passado, vai disputar a Copa do Brasil, a Série C do Brasileiro e será o único clube da Paraíba na Copa do Nordeste que vem. O Belo deverá receber aproximadamente R$ 1,2 milhão.

De acordo com a lei que dispõe sobre o Gol de Placa, o montante definido pelo Governo do Estado para o os clubes é dividido da seguinte forma: o campeão do campeonato do ano anterior fica com 10,1128 % do total, o vice-campeão fica com 8,4173 %, enquanto que 44,5901 % do valor geral são divididos para os outros clubes que vão disputar o estadual do ano do repasse do programa.

Os representantes do futebol paraibano na Série C do Campeonato Brasileiro - no caso de 2019, Botafogo-PB e Treze - ficam com 13,4231 % do total, que no ano que vem serão divididos igualmente para Galo e Belo.

Já os clubes que vão disputar a Série D de 2019 - Serrano-PB e Campinense - recebem 4,7316 % do montante destinado ao Gol de Placa, que serão divididos igualmente para as duas equipes.

Gol de Placa 2019

CLUBES PREVISÃO PARA 2019
Botafogo-PB R$ 1.261.078,00
Campinense R$ 638.556,55
Treze R$ 503.697,81
Serrano-PB R$ 325.522,06
Perilima R$ 228.524,26
Atlético de Cajazeiras R$ 228.524,26
Esporte de Patos R$ 228.524,26
Nacional de Patos R$ 228.524,26
CSP R$ 228.524,26
Sousa R$ 228.524,26

 

 


Publicidade
Publicidade

Comentários

O utilizador reconhece e aceita que o PATOSONLINE.COM, apesar de atento ao conteúdo editorial deste espaço, não exerce nem pode exercer controle sobre todas as mensagens. O PATOSONLINE não se responsabiliza pelo conteúdo de mensagens publicadas no mural ou comentários de postagens.